Ivory Talent

Carregando...

Receba nosso conteúdo por email, em primeira mão.

Enviando... Enviando...
  • Home »
  • Blog »
  • Contratar desenvolvedores: o guia para atrair, contratar e reter profissionais de TI

Contratar desenvolvedores: o guia para atrair, contratar e reter profissionais de TI

Recursos Humanos - por Fernanda Pinheiro em 22/06/2020 - Leia em 11 minutos

Realizar um processo seletivo de excelência é fundamental para atrair e reter os melhores talentos do mercado.
Realizar um processo seletivo de excelência é fundamental para atrair e reter os melhores talentos do mercado. Descubra como contratar desenvolvedores de alto nível neste passo a passo completo!

A disputa para contratar desenvolvedores e profissionais de TI de excelência nunca foi tão grande. Você provavelmente já se deparou com notícias de empresas de TI fazendo de tudo para atrair os talentos do mercado e mantê-los satisfeitos na empresa. Seja oferecendo pacotes extenso de benefícios, seja instalando verdadeiros parques de diversão dentro das empresas.

Mas será que é isso que os profissionais de tecnologia estão realmente procurando? Afinal, o que é preciso para contratar desenvolvedores de alto nível e mantê-los felizes e produtivos na empresa?

Para responder essas e muitas outras perguntas, elaboramos o guia completo para contratar desenvolvedores: como atrair, selecionar e reter profissionais de tecnologia. Pegue um café, estique os braços e vamos começar! 

Neste texto vamos tratar dos seguintes tópicos:

Por que é importante fazer um bom processo seletivo de profissionais de TI?

O mercado de TI está se expandindo de forma cada vez mais acelerada – já fazem anos que dados valem mais que petróleo, por exemplo. Mas um fator ainda mais ilustrativo desse avanço da tecnologia está presente na lista das empresas mais valiosas do mundo. 

Se você comparar as empresas que mais valiam em 2010 e as que mais valem em 2020, logo notará que ela foi dominada por empresas de tecnologia. O “clube do trilhão”, como é conhecido, é composto por Microsoft, Apple, Amazon, Google e Facebook. O que elas têm em comum, claro, é que todas são oriundas do campo de TI.

Mas embora o mercado esteja forte e seu futuro seja promissor, a competição entre as empresas de TI está cada vez mais acirrada, inclusive em território nacional. Entre 2015 e 2018, o número de empresas de TI no Brasil aumentou em 30%. Se considerarmos que esse período foi marcado por uma forte recessão econômica, esse aumento na competição se torna ainda mais impressionante.

Por isso, se quiserem conquistar um espaço nesse mercado tão próspero, as empresas de TI precisam se tornar mais competitivas. É preciso alavancar a produtividade e apostar em inovação. Do contrário, se empresas brasileiras não o fizerem, não há dúvidas de que outras mundo afora farão.

O mercado e os consumidores de tecnologia estão entre os mais exigentes do mundo, e nesse setor uma ideia boa o bastante é capaz de literalmente mudar o mundo.

Daí a importância de realizar um processo seletivo de TI: ao atrair os melhores talentos para sua empresa, você está trazendo, também, as melhores ideias que o mercado tem a oferecer. 

O capital humano é a locomotiva de uma empresa de TI. Quem quiser ir longe tem que ter ao seu dispor um time de colaboradores de peso. Só assim você será capaz de competir espaço com os melhores do mundo.

Os profissionais de TI brasileiros

Embora o número de profissionais de TI já tenha crescido bastante nos últimos anos aqui no Brasil, a demanda por desenvolvedores e programadores cresceu ainda mais. A previsão é de um déficit de quase 300 mil profissionais para as empresas brasileiras em 2024.

É o que mostra estudo realizado pela Brasscom, a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação. De acordo com a associação, serão necessárias mais políticas de incentivos estudantis para estimular novos talentos a se especializarem na área. Bolsas de estudo e programas como o FIES e o ProUNI se mostraram efetivos em diminuir a evasão dos cursos de TI, por exemplo.

Outro dado interessante que a pesquisa da Brasscom revela é que São Paulo concentra uma quantidade enorme das vagas de TI. Dos 845 mil empregos do setor, 43% está concentrada no estado. Isso significa que, nos próximos anos, as empresas paulistas precisarão disputar entre si ainda mais o estoque de talentos formados em seu estado. 

Por outro lado, as empresas fora de São Paulo, que também querem contratar desenvolvedores de excelência, precisarão tomar medidas maiores para atrair esse talento. Algumas opções para isso são a criação de melhores condições salariais, o fortalecimento do employer branding, o desenvolvimento de projetos inovadores e estimulantes ou através de um mix dos três.


O passo a passo para contratar desenvolvedores de alto nível

Agora que você já viu a importância de atrair bons talentos para sua organização, e sabe que há uma grande escassez de mão-de-obra qualificada em TI no Brasil, vamos tratar da questão-chave nesse texto. 

Quais são os passos necessários para contratar desenvolvedores de excelência, desde o momento da criação da vaga até a admissão dele na empresa? É o que você vai ver agora!

Como criar uma vaga de TI?

O primeiro passo para contratar programadores é, claro, criar a vaga. Nessa hora, é fundamental ter em mente os princípios de um bom job description. Isso é essencial para garantir que os melhores candidatos terão bons incentivos para participar do seu processo seletivo.

Busque identificar no mercado quais são as expectativas de um profissional de TI em relação à remuneração e benefícios. Lembre-se de levar em consideração a senioridade da vaga e não deixe de incluir no job description informações básicas como:

  • o horário de trabalho;
  • o local de trabalho, se home-office ou presencial;
  • os conhecimentos técnicos necessários para a vaga de trabalho;
  • entre outros.

Após criar um bom job description com todas as informações essenciais, é hora de colocar a sua vaga no mercado.

O que é preciso para atrair os candidatos?

Com a descrição de vaga em mãos, você precisa agora disponibilizá-la nos canais de divulgação existentes. Esses são vários: nas redes sociais da sua empresa, em grupos de Facebook, sites recrutadores, empresas especializadas em vagas de TI, entre outros.

Uma boa opção também a ser pensada é criar uma página de “trabalhe conosco” em seu site. Desta forma, além de poder disponibilizar e divulgar por lá as vagas da sua empresa, à medida que surgir uma necessidade por novos colaboradores, você poderá incluir também uma opção para os candidatos enviarem seus currículos. 

Com isso, você pode criar seu próprio banco de talentos, uma espécie de “exército de reserva de mão-de-obra” pessoal e exclusivo à sua empresa.

Por fim, na hora de divulgar a sua vaga, não se esqueça de “vender o peixe”. Isto é, busque tornar a sua empresa atrativa para os profissionais de TI do mercado. 

Foque em inovação, em cultura organizacional, sempre buscando agregar valor à vaga. Mostre que trabalhar na sua empresa é uma grande oportunidade, e não apenas uma forma de pagar as contas e boletos do mês.

Isso poderá fazer toda a diferença na hora de atrair os candidatos mais adequados ao perfil da vaga e da empresa. Ainda, trazer valor à uma vaga é uma forma de garantir que o profissional contratado sentirá um privilégio de trabalhar com vocês, o que significa que antes mesmo de começar, já no processo seletivo, ele se sentirá mais motivado e será mais produtivo.

Como gerenciar o processo seletivo?

Esse é o coração do seu processo seletivo de profissionais de TI. Neste ponto, você já criou as vagas e suas descrições, divulgando-as nos canais apropriados, e já recebeu de volta as respostas e portfólios dos interessados. 

Agora, está na hora de chamá-los para participar de entrevistas, dinâmicas, bate-papos, provas escritas ou orais e o que mais for necessário. Só evite estender o processo seletivo por tempo demais: além de custo, isso pode ser contraproducente, pois desestimula os candidatos e leva a um aumento na evasão.

É essencial, também, nessa fase de gerenciamento do processo seletivo que você consiga conhecer melhor os candidatos e o perfil deles. E não basta identificar se eles têm o conhecimento técnico necessário para desempenhar a atividade da vaga com êxito, embora isso também seja de grande importância. 

Além disso, porém, é preciso entender como ele vai se relacionar com os outros profissionais da empresa. Ele se encaixa na cultura organizacional? Possui características afins com o que a empresa exige dos seus funcionários? Se mostra aberto ao diálogo, parece honesto e não-contraditório nas suas interações? 

São essas e muitas outras perguntas que você terá que responder a partir do processo seletivo. Certamente não é uma tarefa fácil, mas é fundamental para contratar desenvolvedores de alto nível e compatíveis com a organização em questão.

Se a entrevista for presencial, uma boa dica é fazer um tour pela empresa. Tirar o candidato da sala de RH é essencial para conhecê-lo melhor. Quem já participou de processos seletivos já tem uma ideia de como funcionam as entrevistas, que ficam relativamente previsíveis e podem ser facilmente ensaiadas.

Com um tour pela organização, você o tira da zona de conforto e ganha a oportunidade de vê-lo agindo naturalmente no ambiente de trabalho da empresa. Preste atenção na maneira em que o candidato se comporta: ele faz perguntas sobre a empresa? Se mostra genuinamente interessado em trabalhar nela? Como interage com os outros colaboradores? 

Conhecer os candidatos mais a fundo pode ser a diferença entre fazer a contratação ideal para a empresa e trazer ao time um colaborador que não se encaixa com o restante. Eventualmente, isso levará a um aumento no turnover, com mais processos seletivos e um time menos entrosado e menos produtivo.

Feita a contratação, como integrar o talento ao time?

Chegamos à última etapa: a admissão do novo colaborador ao time da organização. Os processos seletivos podem ser longos e estressantes para o candidato. Portanto, é importante que esse momento, de incorporar o talento à equipe, traga certo alívio e conforto para ele.

Começar um emprego novo pode ser sempre um pouco desconfortável e assustador, por isso é fundamental que o RH auxilie nesse processo. Uma recepção calorosa acelera o processo de adaptação à vaga, o que em contrapartida eleva a motivação e a produtividade do funcionário.

Por isso, tente fazer os novos colaboradores se sentirem confortáveis desde o início. Se mostre disponível, faça questão de mostrar que sua porta está sempre aberta para quando ele precisar conversar. Estimule, também, os membros mais antigos da empresa, em especial os gestores e as lideranças, a fazerem o mesmo.

Caso as coisas não estejam fluindo tão bem como você esperava, existem algumas ações que podem suavizar e acelerar esse processo. O team building, por exemplo, é uma excelente opção para esses momentos.

Dinâmicas e momentos de descontração com a equipe também são capazes de criar os vínculos iniciais entre o novo talento e o restante da empresa. A partir daí, a relação entre eles terá uma base sólida da qual pode ser construída. 

Lembre-se que demissões são sempre processos traumáticos para o corpo de uma empresa. Além de custosas, são bastante prejudiciais ao desempenho do time, portanto devem ser evitadas ao máximo.

Contratar desenvolvedores pode ser muito mais fácil do que você imagina

Então, ter um processo seletivo de excelência não é nada fácil, mas pode fazer toda a diferença para sua empresa — e existe uma maneira muito mais fácil (e efetiva!) de contratar os programadores e desenvolvedores que sua equipe tanto precisa.

A Ivory Talent é uma especialista em contratações de profissionais de TI, tendo décadas de experiência no campo nas mãos do seu CEO, Daniel Vidigal. Tendo como foco o mercado brasileiro, a Ivory Talent reúne os melhores talentos disponíveis e realiza todo o processo seletivo para você. 

Com base nos aspectos técnicos e culturais específicos de cada vaga, fazemos a filtragem sempre de acordo com as necessidades da sua empresa. E não se preocupe: ao final do processo, a sua empresa terá total controle sobre a decisão de quais colaboradores incorporar ao seu time.

Quer entender melhor o que a Ivory Talent pode fazer por você e sua empresa? Entre em contato com a gente e saiba mais!

Receba nosso conteúdo por email, em primeira mão.

Enviando... Enviando...